Desdobramentos do caso FBI x Megapuload

Aviso de fechamento do Megapuload

Para quem não se lembra, o Megaupload foi fechado pelo Governo dos Estados Unidos há algum tempo, sob a alegação de ser uma fonte de pirataria. Houve muita controvérsia sobre o caso, uma vez que o serviço fica na Nova Zelândia e o FBI invadiu a casa do Kim Dotcom, fundador do site, para confiscar os servidores, computadores, enfim, tudo o que estivesse relacionado ao caso. ele chegou inclusive a ser preso por causa do site.

Se você não entende como os Estados Unidos podem fazer isso, já escrevi sobre quem realmente manda na Internet. Se tentarem acessar o antigo megaupload.com vão perceber que o DNS já nem responde mais, por decisão única e exclusiva do Governo dos EUA.

Pois bem, hoje de manhã chega a notícia pelo twitter de que o caso teve desdobramentos, em um tweet do próprio Kim Dotcom.

Ao que parece, o FBI levou mais do que apenas os computadores relacionados ao caso: invadiram a casa do cara com armas na mão e saíram levando tudo o que encontraram pela frente. A atitude foi considerada ilegal e a Justiça Americana mandou que o FBI devolvesse tudo o que não estivesse 100% relacionado ao caso.

Claro que ainda tem muita coisa para acontecer e novos desdobramentos ocorrerão, mas é interessante perceber como uma operação ilegal foi deflagrada e ninguém foi responsabilizado pelo caso. A próxima pergunta a ser feita é: o que acontece com os arquivos das pessoas que estavam armazenados lá e o FBI mandou o provedor apagar? Lá não tinha só pirataria: muita gente (inclusive eu ) utilizava o serviço para guardar arquivos pessoais na nuvem. Um grupo de usuários já preparou um processo contra o FBI por conta disso. O que vai acontecer? Só o tempo dirá.

Aviso de fechamento do Megapuload

Siga o portal dos Calangos nas redes sociais



Leave a Reply

Skip to toolbar