ARGENTINA SHOCK VERMELHO

argentina
argentina
Uma cidade violenta. Sombras espessas e segredos inconfessáveis. Homens com um passado obscuro e mulheres fatais. Ladrões, policiais e um final agridoce. Com disparos, o vermelho sangue inundada a tela. Essa é a nova proposta cinematográfica da Embaixada Argentina, que reúne pérolas do cinema noir rio-platense, com obras clássicas e os títulos de maior destaque do cenário atual.
O gênero policial na Argentina produz filmes que retratam com lucidez o cenário conflituoso e de constante transformação deste país. Argentina Shock Vermelho apresenta ao público brasiliense as produções mais emblemáticas dos melhores diretores do cinema argentino: Carlos Hugo Christensen, Adolfo Aristarain, José Martínez Suarez, Alberto Lecchi, Adrián Caetano e Damián Sifrón, junto com um seleto grupo de debutantes.
Programação
Captura recomendada
Dir. Don Napy, 1950, Classificação Livre, 90 min.
Sinopse: Três episódios; o de um grupo de jogadores, o de um traficante de drogas e a caçada de um assaltante e assassino.
Dia 29/05, quarta-feira, às 18h
Dia 08/06, sábado, às 19h
Nunca abras essa porta (No abras nunca esa puerta) 
Dir. Carlos Hugo Christensen, 1952, Classificação 16 anos, 85 min.
Sinopse: O filme apresenta dois episódios distintos, que têm em comum a porta que separa o bem e o mal. No primeiro segmento, uma mulher tenta vingar a morte de sua irmã, que cometeu suicídio por conta de dívidas de jogo. Na segunda parte, um ex-presidiário volta para casa depois de anos, onde encontra sua mãe cega, que acredita que ele esteja regenerado.
Dia 29/05, quarta-feira, às 20h
Dia 08/06, sábado, às 17h
Noites sem luas nem sóis (Noches sin lunas ni soles)
Dir. José A. Martínez Suárez, 1984, Classificação 16 anos, 95 min.
Sinopse: Um criminoso foge da prisão com a ajuda de três bandidos para encontrar um grande amigo que está como uma doença em fase terminal.
Dia 30, quinta-feira, às 18h
Dia 07, sexta-feira, às 19h
Perdido por perdido
Dir. Alberto Lecchi, 1993, Classificação 12 anos, 93 min.
Sinopse: Um homem com problemas financeiros decide forjar o roubo de seu carro para cobrar o seguro, mas as coisas se complicam porque o investigador da seguradora começa a investigar demais.
Dia 30, quinta-feira, às 20h
Dia 07, sexta-feira, às 17h
Urso vermelho (Un oso rojo)
Dir. Adrián Caetano, 2002, Classificação 16 anos, 95 min.
Sinopse: Urso nunca aceitou a separação de sua filha e esposa, após ter sido condenado por assalto a mão armada e homicídio. Agora, ele está solto, para finalmente pegar sua parte do dinheiro e recuperar sua família, ou pelo menos vingar o dano feito.
Dia 31, sexta-feira, às 18h
Dia 06, quinta-feira, às 19h
Tempo de valentes (Tiempo de valientes)
Dir. Damián Szifron, 2005, Classificação 12 anos, 112 min.
Sinopse: Um psicanalista é condenado a prestar auxilio comunitário dentro do seu ramo de trabalho. A tarefa designada pelo juiz é atender um inspetor da polícia federal, emocionalmente devastado pelo término do seu casamento.
Dia 31, sexta-feira, às 20h
Dia 06, quinta-feira, às 17h
O Sinal (La señal)
Dir. Ricardo Darín e Martin Hodara, 2007, Classificação 16 anos, 95 min.
Sinopse: Nos últimos dias de Eva Perón, um par de detetives de baixo escalão é lançado em um caso de corrupção que envolve a máfia.
Dia 01, sábado, às 17h
Dia 05, quarta-feira, às 19h
Suando frio (Sudor frío)
Dir. Adrián García Bogliano, 2010, Classificação 16 anos, 90 min.
Sinopse: A trama gira em torno de um joven em busca de sua namorada desaparecida. Uma amiga incondicional disposta a tudo para descubrir a verdade. A investigação culmina numa casa antiga. Dentro dela, dois assassinos brutais os esperam.
Dia 01, sábado, às 19h
Dia 05, quarta-feira, às 19h
A preleção do vidente (La plegaria del vidente)
Dir. Gonzalo Calzada, 2011, Classificação 16 anos, 100 min.
Sinopse: Vasco, um detetive obcecado, Riveros, um jornalista policial, e Mauro, um vidente solitário, suspeitam que o cadáver de uma prostituta encontrado nos arredores da cidade de Mar del Plata é apenas o começo de um caminho inevitável até o fim dos seus destinos.
Dia 02, domingo, às 17h
Dia 04, terça-feira, às 19h
Pompéia (Pompeya)
Dir. Tamae Garateguy, 2012, Classificação 16 anos, 100 min.
Sinopse: Juan Garofalo é um roteirista iniciante contratado pelo director de cinema Samuel Goldszer para escrever seu novo filme, uma história de gangsters em Buenos Aires. A cada encontro, a história criada acontece em uma Pompéia imaginária.
Dia 02, domingo, às 19h
Dia 05, terça-feira, às 19h
Serviço:
Argentina Shock Vermelho
Local: CAIXA Cultural Brasília – SBS, Quadra 4, Lotes 3/4, Edifício anexo à matriz da Caixa
Dias: 28 de maio a 8 de junho

Siga o portal dos Calangos nas redes sociais



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para a barra de ferramentas