UnB capacita voluntários para a Copa das Confederações

Treinamento será oferecido simultaneamente nas seis cidades-sede da competição

Treinamento será oferecido simultaneamente nas seis cidades-sede da competição

Cerca de 7 mil voluntários que atuarão durante a Copa das Confederações serão treinados para o atendimento ao público durante o evento. A capacitação será promovida pela Universidade de Brasília a partir do dia 27 de abril. Professores da UnB das áreas de Turismo, Psicologia, Educação Física e Artes ministrarão o curso presencial em parceria com docentes das universidades federais das cidades-sede: Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Recife, Fortaleza e Salvador. Para auxiliar os professores, 60 alunos de cada uma das instituições públicas de ensino superior exercerão a função de monitores durante o treinamento.

Fundamentos de segurança, primeiros-socorros, hospitalidade e acolhimento são alguns dos conteúdos que serão transmitidos aos voluntários. O treinamento presencial segue até o dia 26 de maio. Ao final, cada participante receberá um certificado emitido pela Universidade de Brasília.

Confira a programação completa dos cursos

Tabela_copa

O curso presencial de formação dos voluntários da Copa das Confederações é a segunda etapa do treinamento, que teve início em 11 de março. Os voluntários passaram por processo de capacitação virtual, em que receberam informações sobre história do esporte e do futebol, das cidades-sede dos jogos, noções de inglês e espanhol.

Mais de 40 mil pessoas com idade entre 18 e 85 anos inscreveram-se para o programa Brasil Voluntário. Brasília foi a segunda cidade com o maior número de participantes, 3.707, ficando atrás apenas do Rio de Janeiro, com 8.143 inscritos.

A Copa das Confederações terá início em 15 de junho, com jogo entre Brasil e Japão no Estádio Mané Garrincha. O local tem capacidade para receber mais de 70 mil pessoas. Os voluntários atuarão prestando informações e suporte aos turistas, torcedores, imprensa e população em geral, também em aeroportos e pontos turísticos, além de espaços com exibições públicas ou grande fluxo de pessoas.

Siga o portal dos Calangos nas redes sociais



Leave a Reply

Skip to toolbar